Mapa do Site
Dailymotion
YouTube
Sobre o site
Arquivo criado e organizado por
Aladim Miguel
Todas as fotos contidas neste site são para fins de divulgação.
Dúvidas e esclarecimentos

A Serpente

Lígia e Guida, duas irmãs que vivem na mesma casa com seus respectivos maridos, em quartos separados por uma única parede. Uma das irmãs, Lígia, permanece virgem. Insatisfeita, ela quer desfazer o casamento e pensa em se matar. Para impedir o suicídio da irmã, Guida lhe oferece Paulo, o próprio marido por uma noite.

Baseado Na Obra Original de: Nelson Rodrigues
Direção e Roteiro: Jura Capela
Produção: Elaine Soares Azevedo
Direção de Fotografia: Pablo Baião
Direção de Arte: Karen Araujo / Pedro Von Tiesenhausen
Figurino: Alex Brollo
Maquiagem: Alex de Farias
Montagem: Rodrigo Lima
Trilha Original: Fábio Trummer / Pupillo Oliveira
Som Direto: Uerlem Queiroz
Edição de Som e Mixagem: Damião Lopes
Finalização: Link Digital
Realização e Produtora: Jura Filmes
Co-Produção: Oceano Cinematográfico / Canal Brasil
Duração: 73 minutos

Elenco:

Lucélia Santos
Matheus Nachtergaele
Silvio Restiffe
Cellia Nascimento
Ligia / Guida
Paulo
Décio
Dora

CURIOSIDADES:

Escrita em 1978 por Nelson Rodrigues (1912-1980), “A Serpente” foi a 17ª e última peça teatral do escritor.

Este filme marca a volta da atriz Lucélia Santos ao cinema, ela que ficou consagrada como a mais perfeita intérprete das personagens de Nelson Rodrigues, por ele mesmo, retorna ao universo do autor, desta vez no papel duplo das duas irmãs: Lígia e Guida.

Em uma entrevista de 1978, ano de lançamento de “A Serpente”, Nelson Rodrigues explicou a imprensa o porque do título de sua nova peça.

“Porque a serpente é um símbolo paradisíaco. É um símbolo muito rico. Pode-se dizer que a peça são fatos e visões da minha vida, completados por minha imaginação. Completados pelos artistas. Como já disse, o pacto de morte e o suicídio acompanham-me desde a infância e como é está  idéia básica da “Serpente”. Sinto “A Serpente” como senti minhas outras peças. É uma peça violenta com todas as que fiz. Não que tivesse preocupado de fazer coisas chocantes. A vida em si é chocante, o homem é chocante.”

Pré Estreia na Mostra Première Brasil Novos Rumos (Longa Metragem) em 12 de Outubro de 2016 no 18º Festival do Rio de Cinema.

Divulgação Festival do Rio
Divulgação Festival do Rio
« 2 de 17 »

Copyright © Arquivo Lucelia Santos - 2004/2014
Web Designer: João Rocha